Ensino de Administração: reflexões críticas sobre a formação do Administrador

Késia Aparecida Teixeira Silva, Isabel Cristina da Silva Arantes, Rodrigo Cassimiro de Freitas, Rafaella Cristina Campos

Resumo


Objetiva-se, por meio de ensaio teórico, discutir o Ensino de Administração no Brasil e lançar reflexões críticas sobre a formação do Administrador. Busca-se empreender um diálogo reflexivo que problematize a polêmica existente sobre a educação em gestão, com dilemas provenientes de visões funcionalistas e críticas, ambas agregando diferencialmente na formação do Administrador. Como pano de fundo tem-se o embate entre duas concepções epistemológicas distintas, a econômica e a social, cujo diálogo é prejudicado por serem ambas portadoras de lógicas diferentes: a lógica de mercado, voltado para a acumulação individual, e a lógica social, pautada na comunidade, solidariedade e compartilhamento.


Palavras-chave


Ensino de Administração; Formação do Administrador; Reflexão Crítica

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21902/jbslawjbs.v12i3.22

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Foco (Journal of Business Studies and Law), e-ISSN: 1981-223X

Rua Chile, 1678, Rebouças, Curitiba/PR (Brasil). CEP 80.220-181

Licença Creative Commons

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.