REDUZINDO AS DESIGUALDADES DE GÊNERO? Uma análise do Programa Nacional Trabalho e Empreendedorismo da Mulher em Pernambuco

Géssika C. Carvalho

Resumo


Este artigo é resultado de um estudo sobre a implementação do Programa Trabalho e Empreendedorismo da Mulher em Pernambuco (PTEM-PE) e seus benefícios para as mulheres que participaram de suas atividades. O Programa tinha como objetivo alterar a inter-relação presente nos processos de desenvolvimento local e as questões de gênero,
atendendo mulheres em situação de vulnerabilidade por renda, apresentando oportunidades de alternativas de geração de renda, de inserção no mercado e de organização em associações e cooperativas. Os resultados da pesquisa apontaram que o PTEM-PE teve seus méritos e trouxe benefícios para as participantes, ainda que não tenham sido os postos como objetivos nos documentos oficiais, pois se referiram mais aos aspectos subjetivos, comportamentais e existenciais. O significado por elas atribuído dos benefícios foi mais perceptível no que se refere às mudanças produzidas nos olhares e opiniões sobre si mesmas e não necessariamente ao seu protagonismo e
efetiva participação no desenvolvimento econômico local.

Palavras-chave


Políticas Públicas; Gênero; Empreendedorismo; Benefícios.

Texto completo:

PDF

Referências


BOURDIEU, Pierre. A dominação masculina. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1999.

CARNEIRO, Francisco Galrão. Perfil da pobreza e aspectos funcionais dos mercados de trabalho no Brasil. In: Pobreza e mercados no Brasil. Brasília: CEPAL/DFID,2003.

CORTES, Soraya Vargas; LIMA, Luciana Leite. A contribuição da Sociologia para a análise de políticas públicas. Lua nova, São Paulo, n. 87, p. 33-62, 2012.

FRIEDMANN, John. Empowerment: uma política de desenvolvimento alternativo. Celta: Oeiras, 1996.

MACHADO, Hairam. Espaços interacionais e discursividades sobre gênero e desenvolvimento no Programa Trabalho e Empreendedorismo da Mulher e no Projeto Com licença, eu vou à luta no Distrito Federal. 2012. 190 f. Dissertação de

Mestrado - Programa de Pós-graduação em Estudos Comparados sobre as Américas, Universidade de Brasília, Brasília, 2012.

OLIVEIRA, Dilson Campos; GUIMARÃES, Liliane Oliveira. Perfil empreendedor e ações de apoio ao empreendedorismo: o NAE/SEBRAE em questão. Economia e Gestão, Belo Horizonte, v. 6, n. 13, 2006.

SANTIAGO, Eduardo Girão. Vertentes teóricas sobre empreendedorismo em Shumpeter, Weber e McClelland: novas referências para a Sociologia do Trabalho. Revista de Ciências Sociais, São Paulo, v. 40, n. 2, p. 87-103, 2009.

SECRETARIA ESPECIAL DE POLÍTICAS PARA AS MULHERES - SPM.

Programa Pernambuco: Trabalho e Empreendedorismo da Mulher. 2009.

SILVA E SILVA, Maria Ozanira da. Avaliação de Políticas e Programas Sociais enquanto momento do processo das Políticas Públicas. In: SILVA E SILVA, Maria Ozanira (Org.). Avaliação de Políticas e Programas Sociais: teoria e prática. São Paulo: Veras, 2001.

SWEDBERG, Richard. The social view of entrepreneurship. In: SWEDBERG, R. The social science view. Oxford: Oxford University Press, 2000.

THORNTON, Patricia. The sociology of entrepreneurship, Annual Review of Sociology, n. 25, p.19-46, 1999.




DOI: https://doi.org/10.21902/jbslawrev.%20foco.v10i1.182

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Foco (Journal of Business Studies and Law), e-ISSN: 1981-223X

Rua Chile, 1678, Rebouças, Curitiba/PR (Brasil). CEP 80.220-181

Licença Creative Commons

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.