Possibilidades e limites no desenvolvimento empreendedor de estudantes de Graduação em Psicologia: uma avaliação de potencial

Eveli Freire de Vasconcelos, Renatto Cesar Marcondes, Maria Eduarda Avancini Casali, Laís D. Amaral, Gabriel Moreno Correia

Resumo


O presente trabalho tem como objetivo descrever os achados da aplicação de uma escala de Potencial Empreendedor em 37 alunos do segundo semestre de Psicologia da Universidade Católica Dom Bosco de Campo Grande/MS. Os dados foram obtidos a partir da aplicação da Escala desenvolvida por Santos (2008), e a análise foi quantitativa. Também, expõe uma proposta de intervenção voltada ao ensino e aprendizagem do empreendedorismo, utilizando-se da tecnologia e do lúdico como forma de aproximar a realidade de mercado aos interesses acadêmicos, com o estudo do tema em questão e desenvolvimento das características do potencial empreendedor. Os resultados demonstram que os estudantes de Psicologia possuem grandes lacunas no que pode ser considerado um potencial empreendedor, principalmente em competências voltadas ao Planejamento, Controle e Metas. Com isso, conclui-se que há necessidade de aprimoramento dessas habilidades; recomenda-se incorporar a temática ao ensino, extensão e pesquisa em saúde, à utilização do lúdico como uma ferramenta de otimização do potencial empreendedor, assim como a estruturação de um núcleo de empreendedorismo e carreira capaz de manter a orientação dos acadêmicos.


Palavras-chave


Potencial Empreendedor; Empreendedorismo; Psicologia

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21902/jbslawjbs.v12i3.16

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Foco (Journal of Business Studies and Law), e-ISSN: 1981-223X

Rua Chile, 1678, Rebouças, Curitiba/PR (Brasil). CEP 80.220-181

Licença Creative Commons

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.